Um rapaz (das Forças Especiais) às Segundas::


O rapaz é bem conhecido. Gostemos ou não, temos de admitir – um tremendo organizador (também… aprendeu com os melhores – os norte-americanos). Ao fundo, sua arma favorita: AKS74U, versão do AK74 distribuída ao exército russo a partir dos anos 1990, facilmente reconhecível pelo freio de boca. Foi desenhada especialmente para forças especiais, com o alcance notavelmente menor do que o das versões convencionais, devido ao encurtamento do cano, que, nessa versão, tem apenas 210 mm. O desempenho geral em distâncias maiores que 200 metros é pobre, e a arma chega a ser considerada, por algumas fontes especializadas, como uma submetralhadora.

Anúncios

6 pensamentos sobre “Um rapaz (das Forças Especiais) às Segundas::

  1. Logan,
    os sites estão todos indicados nos links do causa:: Acho particularmente interessante o Modern firearms http://world.guns.ru/main-e.htm; os textos da wikipedia são irregulares – alguns são ótimos outros, nem tanto. Tem um extremamente interessante, nem tanto pelo conteúdo, mas pela variedade, e é em português: “Área militar.” Um outro, em português, e bem razoável, em termos de conteúdo, é este: http://landcombatcb.blogspot.com/, embora a parte de história não seja muito boa, a parte técnica é. O problema é q não existe qse nada em português, e qdo existe, não vale nada. Uma das dificuldades para uma pesquisa ampla dessas é a terminologia. Eu falo inglês e alemão de forma bem aceitável, e o francês dá pro gasto. Por incrível que pareça, os melhores recursos de pesquisa sobre esse assunto estão em alemão. Por exemplo: o melhor site q conheço sobre a 2a GM é este http://de.academic.ru/dic.nsf/dewiki/1555109.É o texto basico da wikipedia, mas mto melhorado. Já esse sujeito aqui http://forum.stirpes.net/geschichte-kunst-kultur/5228-deutsche-waffen-und-geheimwaffen.html levantou um monte de projetos alemães q não foram pra frente. A importância desses levantamentos é possibilitar que possamos indicar corretamente a entrada para ampliar a pesquisa. Eu, atualmente, utilizo cerca de 200 sites de base. Não tenho mto saco para pesquisar em livros, apesar de ler muito sobre o tema. É mais difícil lidar com direitos autorais. Já fui ameaçado de processo duas ou três vzs, e não quero ter essa chateação. Assim, citar livro dá um trabalhão, pq tenho de reescrever o texto, o q não é fácil. Posso te mandar minha lista de sites, mas farei por e-mail, caso vc queira.

    cmdt,
    pq não? Também poderia fazer sobre os AK do Chavez. Sua escrita é incomparavelmente melhor que a minha… :c)

  2. E eu achava que saber inglês já era suficiente ^^
    se você puder ver coloquei meu e-mail no campo E-mail antes de preencher o comentário.

  3. Aliás, tava vendo no blgo do james bond e ele perguntou a você em um post desses se você já jogou Counter – Strike, como não vi sua resposta, queria saber se você tem o costume de jogar jogos de tiro em primeira pessoas, se a resposta for positiva se tem preferência por algum em específico. Aliás fica como sugestão de post também.

  4. Logan,
    acho os jogos de computador, com raras excessões, bastante “pobres de espírito”. Cheguei a tentar simuladores de combate naval, como Silent Hunter Wolfes of the Pacific e Battle of the Atlantic; tamb já tentei jogar “Great Naval Battles V: Demise of the Dreadnoughts: 1914-18” q era um jogo muito bom dez anos atrás, mas não roda bem nos comps atuais. Esses jogos são um pouco mais complicados do que os de tiroteio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s