causa::agora tem uma revista eletrônica::


É exatamente isso: o redator:: , depois de anos procurando, pesquisando, indo e voltando, acaba de de publicar a versão “revista eletrônica”. O recurso utilizado foi o amigável e eficiente scribd. (http://scribd.com/). A revista é um desenvolvimento do blogue, que, como poucos sabem, é  publicado desde 2007, com certa regularidade. Não se assustem os fãs de causa:: (os já famosos oito ou nove leitores): o recursos de pesquisa menos alentado da Grande Rede continuará existindo, pois o redator diverte-se à larga com ele. Entretanto, posts que já estejam “antigos” (quem consulta busca basicamente a homepage) serão revisados, reformatados e publicados na versão eletrônica – continuaram também aqui. O redator:: sabe que causa é um recurso especializado pra caramba, e só agrada a quem se interessa por esse tipo de coisa. Entretanto, gostaria muito de contar com a ajuda de todos os leitores, para divulgação. Afinal, todo mundo tem um ou outro parente, amigo ou vizinho que “gosta de guerra” (o redator:: acreditem ou não, detesta).
O formato dos arquivos é PDF, de modo que podem ser baixados sem problemas. Como está escrito na capa da revista, tudo é redigido pelo próprio:: (que espera, eventualmente, ter colaboradores… alguém se habilita?..), então, é aberto, livre de copyright e pode ser usado a vontade – não precisa nem mesmo citar autor e fonte (embora causa:: agradeça penhoradamente a quem o fizer). Os que conhecem um pouco o redator:: sabem que ele não acredita em nenhuma forma de conhecimento fechada. Nem mesmo conhecimento inútil…  
 
O primeiro número da versão eletrônica de causa:: pode ser encontrado em http://www.scribd.com/doc/32475104/causapub-01
Anúncios

5 pensamentos sobre “causa::agora tem uma revista eletrônica::

  1. Achei ótima,somente sugiro melhorar o fundo e o formato dos tipos (letras)pois está difícil de ler.
    Parabéns !

  2. Bitt, gostei! Além de ler, vou recomendar a uns colegas que gostam de coisas como documentários de guerra, que assistem e comentam as minúcias técnicas, o que tem muito a ver. Só não gostei das letras, que estão claras demais. Talvez baste dar uma “negritada geral” ns textos.

    Parabéns pela iniciativa. Abração,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s